sábado, 21 de junho de 2008

Levas tudo contigo...

É o sol que não quer nascer
É a lua que brilha em vão
É o emigrar das estrelas
É o nascer de uma solidão
Numa multidão invisível
Porque os meus olhos
estão molhados e sombrios
Sem esperança, sem luz...
É uma vida sem vida
Um corpo sem alma
Um coração gelado
Um sonho inacabado.
É um olhar perdido
Em busca, em angústia,
No caos dos sentimentos
Porque tu meu amor...
No instante que me deixas
No momento de despedida
Levas sempre contigo...
A vida da minha vida!

Um comentário:

margarida disse...

esta lindo!!!!
estao todos lindos e erdade mas este esta fantastico...
o amor faz destas coisas...
o amor e assim...
linda espero que tenhas muita sorte no amor, e acho que sim pode demorar, nao percas as esperanças
beijos